Portal da Igreja do Evangelho Quadrangular

Portal da Igreja do Evangelho Quadrangular

Portal da Igreja do Evangelho Quadrangular

Publicado em 05/02/2018

Fique por dentro

Atleta cristão diz que quer ser pastor para alcançar os jovens: “Quero impactar os corações”

Nick Foles já começou a estudar em um seminário teológico e se prepara para em breve pastorear vidas.


Nick Foles é um dos destaques de seu time de futebol americano.


No Twitter, o quarterback dos Eagles (famoso time de futebol americano dos Estados Unidos), Nick Foles, coloca sua fé em Jesus antes de qualquer outra definição. "Crente em Jesus Cristo, marido, pai, filho, irmão". Isso não é nenhuma surpresa, visto que ele pretende se tornar pastor para abençoar os jovens que lhe conheceram em campo.


"Eu quero ser pastor em uma escola secundária", disse o atleta de 29 anos em uma coletiva de imprensa. "Está no meu coração. Eu tive um passo de fé no ano passado e me inscrevi para fazer aulas no seminário. Eu queria continuar aprendendo e desafiando minha fé. É um desafio porque você está escrevendo papéis que são bibicamente corretos. Eu quero impactar os corações das pessoas", disse ele.


"Quando eu falo com alunos, vejo que eles precisam tomar decisões. Eles enfrentam fortes tentações neste mundo, tanto nas mídias sociais quanto fora delas. Espero compartilhar minhas fraquezas, pois já caí muitas vezes", acrescentou Foles.


"É algo que eu quero fazer. Eu não posso jogar futebol para sempre. Fui abençoado com uma plataforma incrível, mas sei que isso é apenas uma porta que Deus abriu. Ainda tenho uma longa jornada pela frente".


Desafios

Depois de sofrer alguns anos com atuações não tão fortes, ele estava pensando em se aposentar. Antes de tomar a decisão, no entanto, Foles e sua família oraram e ele escolheu permanecer no time. Agora, seus lances são chamados de “milagres do futebol”.


"Foi preciso muito mais fé para voltar e jogar", disse Foles. "De qualquer forma, eu teria confiado em Deus. Eu teria feito outra coisa e glorificado a Deus. Eu sabia que precisava glorificar a Ele e confiar", finalizou.

guiame.com.br