Portal da Igreja do Evangelho Quadrangular

Portal da Igreja do Evangelho Quadrangular

Portal da Igreja do Evangelho Quadrangular

Publicado em 14/07/2016

Palavra do Pastor

Ide e fazei discípulos

Portanto ide, fazei discípulos de todas as nações, batizando-os em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo - Mateus 28:19



A missão foi nos dada. A capacitação é feita e parece relativamente fácil executar com eficácia. No entanto, nos dias atuais, a igreja tem certa dificuldade para discipular e ensinar.  Há muitos pontos de vistas e realidades diferentes. Creio por todos que vivemos as últimas gerações antes da volta de cristo, os sinais não deixam dúvidas. Então, há uma necessidade na urgência da propagação do evangelho, pois a seara é grande.

É preciso formar líderes como nunca, aperfeiçoar metodologias de liderança, visões de evangelismo, métodos revolucionários, ferramentas úteis. Sem dúvida, temos que nos renovar, aprimorar o conhecimento, nos reciclar em nossos ministérios e usar todos os meios lícitos para evangelizar, nos multiplicar. 

É preciso, ainda, vivenciar todas as etapas da vida de um discípulo. Não pode se abreviar ou cortar atalhos, que é o tempo de experiências com Deus, que muitas vezes é nos desertos, nos vales nas sequidões em lugares ou ocasiões que somos tirados do nosso raio de ação natural, da nossa segurança.

Temos que aprender a viver na dependência de Deus, na qual é formado ou remondado um caráter ou um novo é formado, com valores cristãos, e isso leva tempo. Por várias razões que são verdadeiras e imprescindíveis, procura-se alcançar membros por meio de discípulos imaturos que não chegam a ser provados para ser aprovados, mas que satisfazem uma onda momentânea (característica desse tempo).

Satisfação momentânea e superficial que não precisa de conversão, nem de mudanças, onde os números são sinais de status e sucesso. Glória a Deus por estes, mas a igreja não tem mais tempo para erros e essa geração tem que deixar um legado de base para a próxima geração. Então, quando há muita pressa, a prudência nos ensina a ir devagar, calcular, repensar e examinar. E isso nos leva a enxergar a urgência de fazer discípulos de Cristo como nunca. 

Pr. Carlos Caetano de Moraes, IEQ Barra do Garças (MT)